Quinta-feira, 27 de Março de 2008
O VERBO NO INFINITO

O Verbo no Infinito

de de Vinícius de Moraes

Ser criado, gerar-se, transformar
O amor em carne e a carne em amor; nascer
Respirar, e chorar, e adormecer
E se nutrir para poder chorar

Para poder nutrir-se; e despertar
Um dia à luz e ver, ao mundo e ouvir
E começar a amar e então sorrir
E então sorrir para poder chorar.

E crescer, e saber, e ser, e haver
E perder, e sofrer, e ter horror
De ser e amar, e se sentir maldito

E esquecer tudo ao vir um novo amor
E viver esse amor até morrer
E ir conjugar o verbo no infinito...

.


sinto-me:

publicado por Sonhosolitario às 23:58
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Sexta-feira, 21 de Março de 2008
SE EU FOSSE A PENAS UMA ROSA

Se eu fosse apenas...

de Cecília Meireles

Se eu fosse apenas uma rosa,
com que prazer me desfolhava,
já que a vida é tão dolorosa
e não te sei dizer mais nada!

Se eu fosse apenas água ou vento,
com que prazer me desfaria,
como em teu próprio pensamento
vais desfazendo a minha vida!

Perdoa-me causar-te a mágoa
desta humana, amarga demora!
– de ser menos breve do que a água,
mais durável que o vento e a rosa..



SÃO OS VOTOS DESTE VOSSO AMIGO
SONHOSOLITARIO

sinto-me:

publicado por Sonhosolitario às 15:32
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito

Quarta-feira, 19 de Março de 2008
POR QUEM FOI QUE ME TROCARAM

Dou te a minha amizade

Dou te o meu carinho

Dou te a minha humildade

So tens que me passar

Para dar tambem

 

passa a minha imagem para

os teus amigos que gostas

dar e receber

 

 

 

de Fernando Pessoa

                     Por quem foi que me trocaram
                     Quando estava a olhar pra ti?
                     Pousa a tua mão na minha
                     E, sem me olhares,
sorri.

                     Sorri do teu pensamento
                     Porque eu só quero pensar
                     Que é de mim que ele está feito
                     É que tens para mo dar.

 

                     Depois aperta-me a mão
                     E vira os olhos a mim...
                     Por quem foi que me trocaram
                     Quando estás a olhar-me assim?

 

                     OBRIGADO PELA SUA VISITA

                    COMENTEM QUE EU ADORO .

                    UM MUITO  OBRIGADO .

                     SONHO SOLITARIO


sinto-me:

publicado por Sonhosolitario às 17:03
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

Sentimentos confusos!

Tragédia nas Caxinas,Lut...

PAI ETERNO EM FAINA

PAI ETERNO, ENTRE O POR D...

Vida de Marinheiro

QUANDO ME TOCAS

Mar Salgado

Saudade das Saudades

Tão longe e tão perto

Apenas te desejo bem

favoritos

Hoje senti mais do que nu...

Mar Salgado

PALAVRAS

Inspiração da madrugada.....

Regresso

Saudade,De quem Partiu

Set fire to the rain

Que se passa em mim...?

O Mar e a Saudade

Para os Amigos

links
arquivos

Abril 2018

Janeiro 2015

Abril 2013

Dezembro 2012

Abril 2012

Fevereiro 2012

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds